);

2. Manobras

manobras

Em meio ao conflito e à dúvida, o grupo de humanos deixa o seu planeta. À sua frente, mais misterioso do que a nave que tripulam, estende-se o espaço-tempo em que viajam. Em direção ao Sistema Solar Externo, os viajantes cortam, admirados, o tecido do Universo.

 

2. Manobras – Letra / Lyric

O mundo fica para trás

Imensa escuridão

Se existe ainda alguns de nós

Por onde eles navegam

À frente o tempo se desfaz

O espaço se desdobra

E as curvas viram retas

Vertigem e manobras

No fim, só resta esperar

Eterno Oceano

Se esvai em órbita solar

A glória dos humanos

Escorrem meses sem parar

E o que nós conseguimos

Será que toda flecha

Atinge seu destino

Share:

Leave a Reply

Desenvolvido por Cerveja & Rock n Roll
0

Your Cart